Windows NT 4.0 – Service Pack 6

Paulo Rebêlo | novembro.1999

Apesar de duas semanas atrasada, na última semana do mês de outubro a Microsoft disponibilizou o sexto pacote de serviços para todas as versões do seu sistema operacional Windows NT 4.0 – Workstation, Server e Enterprise. Segundo a própria empresa, a atualização do Service Pack 6 pode não ser necessária para muitos, tendo em vista que o novo pacote não trouxe mudanças ou correções significativas. Dentre tais mudanças, as principais são…

  • Correção nas recentes falhas de segurança encontradadas no sistema;
  • Correção no protocolo TCP/IP, que em algumas ocasiões gerava uma paralisação prematura na retransmissão de dados
  • Correção em uma falha de memória enquanto se editava uma entrada no catálogo de telefones do RAS (Remote Access Service);
  • Correção em um problema de reinicialização (boot) na máquina;
  • Algumas correções irrisórias relacionadas ao Y2k (bug do milênio)

.

Quem ainda estiver fazendo uso do Service Pack 4 ou 5, não precisará se preocupar com as correções relacionadas ao Y2k, pois é possível obter correções individuais no seguinte endereço- http://www.microsoft.com/technet/year2k/

Ao lançar oficialmente o Service Pack 6, a empresa afirmou que futuros pacotes serão disponibilizados para download gratuito, pois com o advento da finalização do Windows 2000, algumas novas correções podem surgir em breve. Dentre tais correções, algumas já podem ser baixadas diretamente pela Internet, de acordo com a descrição dos bugs encontrados após o lançamento do Service Pack 6.

BUGS pós SP6 –

1. Problema relacionado ao padrão Winsock, impossibilitando usuários de logarem no Lotus Notes, a não ser que usam a conta de Administrador. Maiores informações e arquivo para correção, use o seguinte link- http://support.microsoft.com/support/kb/articles/Q245/6/78.asp

2. Usuários do Inoculan, da Computer Associates, podem ter as pastas do Outlook (*.pst ) apagadas sem nenhum motivo aparente. Maiores informações e correção no seguinte link- http://support.cai.com/Download/patches/inocnt.html

3. Problemas diversos como ‘erro de proteção’, ‘telas azuis’, ‘estouro de pilha em TCP/IP’ também foram reportados, principalmente pelos usuários de servidores Compaq da série Proliant 6500 e Lotus Notes. Correções específicas ainda não estão disponíveis.

Por enquanto, a Microsoft recomenda que os usuários não desmarquem a opção de ‘fazer backup’ durante a instalação do Service Pack 6. Caso ocorra algum problema grave que comprometa o sistema, a opção de desinstalação poderá ser usada, voltando todo o sistema ao seu estado anterior.

A versão em português do pacote ainda não se encontra disponível e não é recomendável a instalação do pacote em inglês em máquinas rodando Windows NT em português.

PRESSA –
Como de praxe, a pressão contra a Microsoft por causa de seus atrasos termina sempre levando a empresa a disponibilizar pacotes e atualizações defeituosas. Os usuários do Windows NT sentem isso na pele, tendo em vista que os services packs sempre trazem um ou outro defeito de incompatibilidade ou deixam algumas máquinas mais instáveis do que já eram. No caso do 6, foi pior ainda. Não apenas havia uma correção na outra semana depois do lançamento, como em menos de um mês foi lançado um outro pacote- Service Pack 6.a.

Os problemas que aparecem no Windows NT, principalmente envolvendo segurança e protocolos, são constantes a ponto de fazer muitos usuários tornarem-se descrentes em relação às atualizações da Microsoft. A descrença de muitos é clara: “para que atualizar, se na próxima semana algum curioso descobre outro furo de segurança no Internet Explorer ou no protocolo TCP/IP, e a máquina continuará insegura?”

Nas empresas rodando Windows NT não é tão corriqueiro, mas entre os usuários domésticos é comum ver computadores rodando o NT apenas com o Service Pack 3, que é justamente o pacote necessário para se instalar o Internet Explorer 4.0 e o Microsoft Office.

Por outro lado, instalar o Internet Explorer no Windows NT já é uma tarefa reconhecidamente não recomendada, devido aos vários problemas que o sistema pode apresentar, além de uma perda perceptível na performance geral do ambiente. Tendo tal fato em mente, algumas corporações e muitos usuários domésticos se arriscam a usar o NT puro, ou seja, da forma como foi lançado pela primeira vez, sem nenhum Service Pack.

Tomando a decisão acima, é possível usufruir de um sistema muito leve (para os computadores de hoje em dia), mais seguro do que a plataforma Windows 95/98, mais robusto, e com um ambiente Internet totalmente operacional, usando-se navegadores alternativos – Netscape e Opera – e clientes de email que não sejam da Microsoft.

Apesar de ser uma escolha um tanto arriscada para alguns, também é um escolha bastante plausível para muitos, principalmente os que usam o NT como estação de trabalho e produtividade doméstica, em substituição ao Windows 95/98, e para quem planeja ter um acesso à Internet sem nada muito avançado.

Se mesmo assim, você deseja atualizar um pouco o seu atual Windows NT, a própria Microsoft recomenda o Service Pack 3, ainda disponível no site da empresa, mesmo para quem não pretende instalar o Internet Explorer no futuro.

Site Footer

Sliding Sidebar

Instagram