Categories CrônicasPosted on

Para curar a insônia

Paulo Rebêlo // Terra Magazine // 08.jun.2011Curei-me da insônia. Só resta descobrir como aconteceu.Não cuspi dentro do pires para jogar na foz do rio Tapajós, como as rezadeiras da minha terra costumam sugerir.Não paguei promessa, não fiz catimbó, macumba, vodu e nem dancei axé. Não acendi ve...
Categories CrônicasPosted on

Romantismo Retroiluminado

Paulo Rebêlo // Terra Magazine Meu ícone máximo de romantismo sempre foi o casal que divide livros na cabeceira da cama. De pijamão, luminárias de cada lado, folheando as páginas até o sono chegar. Intermitentes, elas coçam nosso bucho peludo e nós a cutucamos com o pé ao escutar o primeiro ronco d...
Categories CrônicasPosted on

Mulher para casar é ambulância

Paulo Rebêlo // outubro.2007Aquela ali é para casar. Eis uma expressão enigmática para a maioria das pessoas. O que faz um homem apontar o dedo e achar que aquela mulher é para casar? Já me responderam de diversas maneiras, sempre honestamente, em vias alternadas e não necessariamente excludentes:...
Categories CrônicasPosted on

Pílula do Esquecimento

Paulo Rebêlo // maio.2005Muita gente gostaria de voltar no tempo. Para consertar quebradeiras, acertar o que deu errado, tentar de outro jeito, não deixar aquela pessoa ir embora. Como a viagem no tempo só existe nas fórmulas matemáticas dos físicos, o jeito é esperar que a ciência consiga inventa...
Categories CrônicasPosted on

O homem bonzinho e seus colóquios

Paulo Rebêlo // março.2005É muito tênue, quase inexistente, a linha que separa um homem bonzinho de um homem tolo. Adjetivo este que doravante poderá ser substituído por mané, paspalho, inepto, insosso ou zé ruela. É comum generalizar que o homem bonzinho ‘nasceu ontem’ — uma expressão redundante ...
Categories CrônicasPosted on

Pijamas e namoros

Paulo Rebêlo // junho.2000O nhém-nhém-nhém começa em maio. Algumas agências de publicidade se arriscam a anunciar o dia dos namorados um mês antes, com os clichês que ninguém conhece: "você não vai deixar de comprar o presente da sua namorada na última hora, vai?". Ainda em maio, os motéis começam...