Saudades do Clipper

Programadores sentem falta da tela preta e lamentam que a Computer Associates tenha vacilado. Paulo Rebêlo – Webinsider, 06.nov.2006 [ link origiinal ] Durante os últimos anos, sempre bate uma ponta de nostalgia quando o noticiário de informática publica algo sobre a Computer Associates, hoje formalmente chamada de CA, Inc. É sempre notícia ruim, por conta de um escândalo financeiro que data desde o ano 2000 e se arrasta até os dias de hoje. Envolve uma fraude de milhões de dólares e, recentemente, li em algum lugar que o ex-CEO Sanjay Kumar teve a prisão anunciada. Talvez não seja nada diferente de tantas outras fraudes americanas de Bolsa de Valores que a gente lê no jornal e nem sempre entende direito. A diferença, para mim e para uma legião de programadores de duas décadas atrás, é que apenas ler o nome Computer Associates faz a gente se remexer na cadeira com um brilho nos olhos. O Clipper não apenas fez história no Brasil, mas também foi responsável por decisões de carreiras de inúmeros programadores que davam seus primeiros passos no mundo da informática-bruta (de código) com linguagens de programação. Em uma época onde a informática ainda era um leviatã abominável

texto completo

FAT 32 : abordagem descritiva

Paulo Rebêlo Diario de Pernambuco | maio.1998 A partir da primeira versão atualizada do Windows 95, chamada de OSR2 (OEM Service Release), a Microsoft introduziu um novo sistema de arquivos, a FAT32. Em inglês: File Allocation Table, traduzindo-se em Tabela de Alocação de Arquivos. Deixando as explicações técnicas – e aqui inúteis – de lado, e partindo para a prática, que é o que interessa, podemos reconhecer a FAT como o sistema que organiza os arquivos no disco rígico, em blocos de determinado tamanho, em kbytes (kb).

texto completo

Site Footer

Sliding Sidebar

Instagram