Instalou Windows 7 e se perdeu? A gente ajuda

Dicas para melhorar a performance e a experiência do usuário: atalhos de teclado, barra de tarefas, media player, busca, carregar menos serviços, visual translúcido (Aero), Internet Explorer 8 e Firefox, desinstalação de componentes, vLite, antivírus…

Paulo Rebêlo
Webinsider | 25.out.2009

Quem usa o Vista e instala o Windows 7 parece entrar em êxtase. Depois de certo tempo de uso, porém, há pequenos detalhes que podem irritar uma parcela de usuários. Como de praxe nos produtos da Microsoft, a solução você não encontra facilmente. Vamos tentar ajudar com as principais dicas menos óbvias, nada de ‘como mudar meu papel de parede’ ou ‘como mudar meu tema padrão’.

A primeira coisa que você precisa saber é que a Microsoft tem um utilitário gratuito para formatar seu pendrive e instalar o Windows 7 a partir da porta USB, sem precisar gravar um DVD ou usar drives externos. Útil para quem comprou o Win7 via download, tem conta de beta-tester e baixou o arquivo ISO, não tem drive de DVD ou simplesmente resolveu usar a versão piratão.

Basta pegar o utilitário no site oficial aqui e rodar. Você precisa de um pendrive com pelo menos 4 GB e seu computador não pode ser muito velho, pois do contrário não conseguirá dar boot pela porta USB. A instalação via pendrive chega a ser 30% mais rápida do que via DVD.

Atalhos do teclado

  • Tecla Windows + Home: minimiza todas as janelas, menos a que sendo usada
  • Tecla Windows + Espaço: todas as janelas ficam transparentes, mostrando o desktop
  • Tecla Windows + setas: move as janelas para esquerda e direita
  • Tecla Windows + G: mostra todos os widgets existentes no desktop
  • Tecla Windows + T: alterna itens na barra de tarefas
  • Tecla Windows + P: modifica  modos de exibição em máquinas com dois monitores
  • Tecla Windows + X: em notebook, carrega o Windows Mobility Center

Barra de tarefas

O novo jeito de organizar as janelas na barra de tarefas (Superbar) agrada uns e irrita outros. É fácil se acostumar se você tem um monitor bacana com resolução alta. Para notebooks ou resoluções menores, o aproveitamento do espaço útil de tela cai bastante se você está acostumado a ter vários ícones de acesso rápido aos programas. Ou não.

Nas propriedades do Menu Iniciar (clique com o botão direito do mouse), na opção de Taskbar (Barra de Tarefas), marque para ‘Never Combine’ (em português deve ser algo como Nunca Agregar) e marque a opção de usar ícones pequenos. Agora, aperte a tecla windows+R e digite gpedit.msc. Na janela que se abriu, vá na raiz de ‘Configurações de Usuários’, vá em Templates de Administrador e depois Menu Iniciar e Barra de Tarefas. Há uma série de opções do lado direito, vá descendo a tela até achar ‘Mostrar barra de inicialização rápida’ ou algo parecido, em inglês é ‘Show Quicklaunch on Taskbar’.

Clique duas vezes na opção e marque ‘Enable’ (Ativar). Não acabou. É preciso fazer o logoff (ou reiniciar) e entrar novamente no Windows. Agora, clique com botão direito do mouse na barra de tarefas, vá em Barra de Ferramentas (Toolbars) e crie uma nova, apontando para a seguinte pasta:

%userprofile%AppDataRoamingMicrosoftInternet ExplorerQuick Launch

Basta copiar e colar na janela e dar ok. Se você quiser o passo a passo com imagens, visite este link em inglês ou veja estes vídeos no fórum Baboo.

WMP

O Windows Media Player 12 do Win7 não é mais um media player, é alguma coisa híbrida e com funções antigas inexistentes. O pior de tudo é que ele não oferece mais aquela barra de acesso rápido aos comandos, quando minimizado, justamente por causa da nova Superbar.

Muita gente conseguiu forçar uma versão anterior, o WMP 11 do Vista, dentro do Win7. Funciona que é uma beleza, mas se você não souber exatamente o que vai fazer, não aconselhamos tentar e ninguém vai lhe dar suporte. Você pode ler em português este guia também no fórum Baboo.

A outra opção é usar Winamp, Foobar2000, entre outros.

Windows Search

Poucas decisões foram tão estranhas no Windows 7 quanto esta. Se você não usa o Windows Search para indexar seus arquivos (o concorrente do Google Desktop Search, Copernic, entre outros) não é possível desabilitar o serviço ‘Windows Search’ (via ‘Painel de Controle->Programas e Recursos’) sem perder toda a função de buscas no Windows.

Em outras palavras, ou você deixa Windows Search ativado ou não poderá usar busca nenhuma, mesmo no modelo antigo de pesquisar apenas os nomes de arquivos. A opção mais óbvia e deixar o serviço ligado (consumindo recursos de computadores menos potentes), mesmo que você não use.

Para quem lida com grandes volumes de arquivos de texto (.doc, .pdf, .html, … ) e precisa indexá-los, há diversas outras opções bem mais rápidas e profissionais. Entre elas, recomendamos o Copernic ou o super profissionalDTSearch.

Serviços

Uma das jogadas do Windows 7 para ficar mais leve é carregar quase 40% menos de ’serviços’ durante a inicialização do sistema. Para conferir todos eles e desabilitar alguns bem óbvios que você não vai usar nunca, aperte a tecla Windows+R e digite services.msc

Há pelo menos dez serviços que podem ser desabilitados para a maioria dos usuários domésticos e até mesmo em redes corporativas. Para conferir uma lista e dicas de quais serviços são seguros, veja este ótimo site doBlack Viper. Esta dica de desabilitar serviços também serve para Windows XP e Windows Vista, o procedimento é o mesmo. No caso do Vista, dá para cancelar uma dúzia de serviços ainda mais inúteis do que no Win7. Vale a pena ler a descrição de cada um.

Performance

A priori, todas as dicas para o Windows Vista podem ser adotadas no Windows 7 para ganhar um pouco de velocidade. A diferença é que no Win7 você vai perceber menos mudanças no uso diário. Para conferir uma série de dicas feitas por nós para o Vista (todas as versões), basta ler com atenção este guia prático.

Visual translúcido – Aero

No Vista, você percebe rápido o ganho de performance quando desabilita o recurso de transparência do visual Aero, quando as bordas de todas as janelas ficam transparentes e você consegue ver uma mescla das janelas de baixo.

No Win7, desabilitar a transparência não vai ajudar em nada se você tem uma placa de vídeo razoável. Para notebooks com placa de vídeo integrada (tipo aquelas Intel GMA e outras marcas), é preciso testar.

Se a sua placa de vídeo for muito fraca, o Win7 nem vai permitir o uso de transparência. Se ela for “apenas razoável”, como é o caso da Intel X3100 (adotada na maioria dos notebooks recentes que usam chipset integrado) o Win7 vai permitir o visual transparente e tomar um pouco da performance como troco. A decisão é sua entre ficar com o visual bacana ou ganhar um pouco de velocidade.

Diferença mesmo você vai perceber quanto tiver umas dez a quinze janelas abertas ao mesmo tempo e com transparência. Placas de vídeo integradas, como esta bisonha X3100 da Intel em notebooks, não aguentam o tranco e vai ser fácil perceber.

Internet Explorer 8 e Firefox

Você percebe fácil se usar dois computadores ao mesmo tempo. O IE8 do Win7 é mais rápido do que o Vista, mas fica extremamente lento quando trabalha com várias abas ao mesmo tempo, a exemplo do próprio Vista. No Windows XP, o IE8 abre novas abas bem mais rápido. No Win7, há um pequeno delay que incomoda com o tempo.

Você pode minimizar esse intervalo indo em Ferramentas->Gerenciar Add-ons. Desabilite o que você não usa e desabilite todos os “Aceleradores”, cujo objetivo na vida real não é acelerar nada, mas exatamente o oposto. A não ser que você os use. Do contrário, pode remover todos e não vai perder nada.

Vai ajudar, mas ainda estará longe da performance do IE8 no Windows XP. O mesmo vale para o Firefox. Depois de aberto, o Firefox continua rápido. Mas ele demora mais a abrir no Win7 do que no XP. Por outro lado, o Google Chrome tem a mesma performance no XP e no Win7.

Se você precisa usar Java, deve saber que qualquer fio de cabelo com o nome ‘Java’ pode deixar tudo mais lento. O ideal é escolher um navegador para operar com Java (exemplo: acessar conta bancária online) e outro para suas navegações diárias, mas é apenas uma sugestão.

Não desinstale componentes

Não há nada mais desonesto (com o usuário) do que o gerenciador de componentes do Windows 7. Herdado do Vista, via Painel de Controle->Programas e Recursos, você pode “desinstalar” alguns componentes do Windows 7, como o Windows Media Center, Internet Explorer, joguinhos, Tablet PC, o Windows Search e vários outros.

Não caia em tentação. É óbvio que a Microsoft nunca ia permitir a desinstalação do Internet Explorer, só para citar um exemplo. Quando você escolhe desabilitar os componentes, o Windows vai esconder os ícones e os executáveis de modo que você não vai poder usá-los até reabilitar. Mas eles vão continuar instalados no sistema e vão continuar carregados no registro do Windows.

Você não vai ganhar espaço em disco dentre os 11 GB ocupados pelo Windows 7. Pior ainda, ao desinstalar componentes, o Windows 7 vai ficarmaior. Pode aumentar entre 1 a 2 GB ocupados em disco, a depender dos componentes que você marcou. E não vai ficar mais rápido e nem mais responsivo. É perda de tempo, deixe tudo como está.

Não use o vLite

Usuários um pouco mais avançados conhecem duas ferramentas incríveis, chamadas nLite (para Windows XP) e vLite (para Windows Vista). O programador responsável pelos dois programas não atualiza mais e, como se esperava, o vLite não pode e nem deve ser usado para personalizar sua instalação do Win7.

Há algumas gambiarras que até funcionam, mas ainda não recomendadas. Para tal, o único jeito é seguir acompanhando o fórum oficial do vLite se você quiser arriscar uns testes.

Se você ainda não conhece essas ferramentas, saiba que é possível personalizar o Windows XP e Windows Vista antes de instalá-los, deixando-os mais rápidos e apagando vários componentes inúteis que gastam memória RAM e ocupam espaço em disco, mesmo não sendo utilizados. Leia este guia prático feito por nós, porém mais direcionado a usuários médios-avançados.

Antivírus

Não vamos entrar em discussão sobre qual é o melhor antivírus para Windows 7, pois é tão inócua quanto o embate religioso entre Windows e Linux. Ou Mac.

Para usuários corporativos ou avançados, uma dica rápida. A versão empresarial do McAfee Enterprise ainda não está 100% adaptada para Windows 7. Funciona normalmente, com todos os recursos, porém fica mais lento do que no XP e Vista.

Para igualar a performance em antivírus corporativos, ao menos por enquanto, o único que se igualou em nossos testes foi o Symantec Corporate. Para usuários do Kaspersky, somente a nova versão (KAV 2010) funciona com performance total no Windows 7.

Não medimos a performance de antivírus caseiros ou gratuitos como AVG ou Avast, mas todos atendem ao objetivo principal: proteger de vírus.

Outros

Se você tem alguma dica extra, deixe seu comentário abaixo para que outros leitores possam aproveitá-la. Não vale dizer que a solução para deixar o Windows 7 super rápido é instalar o Ubuntu.  [Webinsider]

5 comments On Instalou Windows 7 e se perdeu? A gente ajuda

  • mas que dificuldade pra te responder!rs
    sempre acaba no blog ou sempre acaba na fossa?! haha
    e o win7 me panca!minha placa de vídeo não suporta e eu morro…

  • Estou com Windows 7 original, e ele não para de abrir a janela de ajuda, me impedindo de fazer qualquer coisa, geralmente em digitação, usar o Ctrl nem pensar
    Obrigado se puderes me ajudar, estou doido com este problema. Queria desativar a ajuda..
    Obrigadão.

  • joabe nonato da silva

    estou com wind 7, o problema e que meu teclado ta no formato ingles e as teclas tao tudo confusas, ja tentei entrar no painel de controle para abilitar o teclado para portugues mais nao tevi sucesso. pois ate mesmo o painel de controle esta diferente.

  • meu notebook ficou lento apos instalar o seven, a tecla digitada demora a aparecer cerca de 2 segundos depois q digito, e ja configurei a velocidade no painel de controle e nada, o q posso fazer? to usando o teclado virtual e nao guento mais isso!

  • Ede, dificil responder sem ter mais detalhes da sua configuracao. Que tal voltar para o XP?

Comments are closed.

Site Footer

Sliding Sidebar

Instagram

  • Mais um avio de brinquedo e l vamos ns outra
  • Passeio depois do almoo pelo RecifeAntigo cheiroso e pomposo Curto

arquivão