nLite: aprenda a instalar seu XP turbinado

Paulo Rebêlo
UOL Tecnologia, agosto.2007

Para quem tenta usar o novo Windows Vista e não consegue -ou não gosta- do resultado, talvez seja hora de formatar o disco rígido e voltar ao Windows XP. No entanto, antes de prosseguir, você pode personalizar a instalação do XP para deixar o sistema operacional ainda mais leve, rápido e funcionando de acordo com as suas necessidades. Ao utilizar o software gratuito nLite, é possível modificar toda a instalação, removendo componentes que você não usa (como o Media Player, o Paint, o Wordpad etc.) e até mesmo remover serviços e bibliotecas internas do sistema que consomem memória sem necessidade.

Se antes era preciso 512 Mb de RAM para ter uma boa performance no XP, uma versão modificada pelo nLite pode gerar o mesmo resultado em uma máquina com 256 Mb de RAM, transformando um computador lento em uma máquina aceitável para tarefas diárias de escritório ou, quem sabe, até mesmo em uma estação exclusiva para jogos.

O uso do nLite não é recomendado para usuários leigos ou iniciantes, mas não significa que seja complicado e, com estas dicas, talvez fique mais fácil você reinstalar seu Windows do zero.

Basta entender um pouco de inglês e ter sempre um backup dos seus documentos importantes fora do computador, seja no pen drive, em CD ou em DVD, caso ocorra algum problema. Vale também, se você for marinheiro de primeira viagem, pedir auxílio a algum colega que tenha experiência em formatar o disco rígido e reinstalar o Windows.

O nLite pode ser utilizado para personalizar instalações do Windows 2000, XP (32 e 64-bit) e Windows Server 2003. Há uma versão para o Vista, chamada de vLite, mas que ainda está longe de dar os mesmos resultados do nLite no XP.

Lembre-se que o software não é oficial da Microsoft e o autor do programa não se responsabiliza por qualquer uso errado que comprometa seus dados ou segurança.

Antes da reinstalação

Primeiro, faça o download do software no site oficial (http://nliteos.com/download.html) e instale no seu computador. Para rodar o programa, é preciso ter o .NET Framework da Microsoft instalado. O próprio nLite lhe dirá caso você não o tenha. No mesmo site, é possível baixar a biblioteca por meio de um link.

Você precisa ter ainda, obrigatoriamente, os arquivos originais do CD de instalação do Windows XP, que devem ser copiados para uma pasta qualquer no seu computador. O nLite irá trabalhar com os arquivos desta pasta.

Tenha em mãos, também, um CD ou DVD regravável, pois é no disco que, ao final de todo o processo, o nLite irá gravar a imagem do Windows modificado. Com o disco gerado, você pode reinstalar seu sistema operacional em um processo idêntico ao de qualquer instalação original, do zero, sobrescrevendo todos os dados da sua partição principal no disco rígido.

Como adequar o Windows XP às suas necessidades

O programa nLite permite a você personalizar a instalação do Windows XP, deixando-o mais leve e adequado ao seu uso rotineiro.

Antes de usar o programa, porém, crie uma pasta no disco rígido de seu computador e copie para lá as pastas e arquivos do CD de instalação original. As principais pastas -e as únicas realmente necessárias- a serem copiadas são a pasta raiz e a subpasta i386.

Após selecionar a pasta que você criou, contendo os arquivos originais do Windows, a próxima tela do nLite mostra o que você pode fazer: integrar um service pack, adicionar atualizações de segurança, integrar drivers, remover componentes etc.

No exemplo da foto ao lado, selecionamos todas as opções, menos a primeira (service pack), pois já estamos trabalhando com o Windows XP integrado com o Service Pack 2, versão mais atualizada da Microsoft.

Removendo componentes

Antes de remover os componentes, você pode integrar os drivers de placas e periféricos na instalação. Assim, evita-se instalar os drivers após a instalação completa Windows. Isso é útil para quem usa discos rígidos SCSI ou em RAID ou para quem tem placa de rede, modem ou outros acessórios que não são identificados pelo Windows automaticamente. Você precisa ter o CD ou disquete de instalação do acessório com o driver ou então baixá-lo pela internet. Se você não sabe como fazer, pule esta etapa e siga em frente, sem integrar drivers ou atualizações.

Na exemplo à direita, nós integramos os drivers atualizados da Intel para placa-mãe (o download foi feito no site oficial da Intel), dos discos rígidos em RAID e da placa de rede. Não é necessário fazer isso para modificar a instalação do Windows, mas usuários com mais experiência podem tirar bastante proveito e economizar tempo com o recurso.

Na próxima tela, o nLite vai lhe dar opções para marcar os recursos/programas que você mais utiliza. Marque corretamente as opções que você usa para que, deste modo, o nLite não permita que você remova um componente necessário ao bom funcionamento.

No exemplo apresentado na figura à esquerda, marcamos apenas o Internet Explorer 7, que iremos instalar depois, no procedimento normal. Se você não marcar, o nLite poderá lhe dar opções de remover componentes que serão necessários para rodar o Internet Explorer 7 e, se isso acontecer, não haverá como reverter e voltar ao padrão original.

Quem usa câmeras digitais, internet sem fio (wi-fi) e outros recursos mostrados na tela, deve ficar atento e marcar as opções relacionadas. Em seguida, você terá um leque enorme de componentes para remover. A principal dica, aqui, é evitar remover qualquer suporte a hardware (hardware support), pois na prática você pode deixar tudo do jeito original sem perder performance. Remova apenas os componentes que não usa (Wordpad, Paint, Serviço de Alerta, etc.).

Serviços críticos e personalização

Se você é iniciante ou marinheiro de primeira viagem no nLite, a recomendação é nunca remover as opções marcadas em vermelho pelo próprio programa. Esses recursos são críticos, nem sempre necessários ao bom uso do Windows, mas geralmente relacionados a dependências e compatibilidades com outros softwares que você poderá usar no futuro. Às vezes, fazem parte de próprias instruções internas do sistema operacional. Evite removê-los, a não ser que saiba exatamente o que está fazendo.

Para os demais serviços, leia sempre a descrição que aparece à direita na tela do nLite para saber do que se trata. De modo geral, boa parte dos serviços e opções do sistema operacional podem ser removidos sem problemas, economizando preciosos megabytes de RAM durante o uso e vários minutos quando for fazer a instalação do XP.

Reduza o tempo de instalação do seu Windows personalizado

Passada a fase da escolha dos componentes originais do XP a serem removidos de sua configuração personalizada, você pode usar o nLite para economizar tempo durante a instalação do sistema.

Você tem ainda opções secundárias, localizadas na aba Patches, que a princípio não precisam ser modificadas. Elas permitem, por exemplo, aumentar o número de conexões simultâneas na internet. Esse patch atende apenas aos usuários que usam programas para baixar filmes e músicas, como Torrent ou Emule. Quem não usa aplicativo algum do gênero, pode deixar do jeito que está. E quem não tem banda larga, também não vai notar diferença, mesmo que use torrents.

ETAPAS DA PERSONALIZAÇÃO

1. Escolha quais componentes originais do XP serão removidos na nova instalação

2. Neste ponto, você pode acrescentar o número serial do seu Windows e modificar opções internas do sistema, como a ativação/desativação do firewall

3. A aba Patches traz opções secundárias – por exemplo, aumentar o número de conexões simultâneas na internet…

… que a princípio não precisam ser modificadas (opção default)

4. A fase final é a de pequenas alterações (tweaks),que modificam instruções internas do Windows. Algumas são simples, mas outras podem comprometer a segurança do sistema. A sugestão é evitar marcar as opções em vermelho, se não houver certeza

5. O ideal, no entanto, é gastar um tempo estudando as possibilidades: você poderá deixar o Windows exatamente como quer.

É possível mudar desde o Menu Iniciar, o tempo de resposta dos cliques e a configurações de rede até o comportamento do Windows Explorer e do Internet Explorer

6. Antes do clique final, revise suas alterações, prestando atenção aos recursos em vermelho que não tenham sido selecionado.

Lembre-se: as alterações feitas não poderão ser revertidas após a nova instalação.

Logo após, o nLite processará as informações e gravará o arquivo ISO para gerar um CD ou DVD da instalação; este processo pode levar de 10 a 30 minutos

Ao final, o programa mostra quanto foi economizado em megabytes. No nosso exemplo, economizamos 309 Mb dos quase 600 Mb do CD original do Windows XP

Nesta etapa, você pode acrescentar logo o número serial do seu Windows e modificar algumas opções internas do sistema operacional, como a ativação/desativação do firewall. Passe um tempo estudando essas opções, pois elas podem lhe economizar um tempo considerável no futuro.

Modificações finais

Após integrar drivers, remover componentes e personalizar o sistema, a fase final é a de tweaks, pequenas alterações que modificam instruções internas do Windows. Há algumas alterações simples, mas outras são bem perigosas e podem comprometer a segurança do sistema. Novamente, a sugestão é evitar marcar as opções em vermelho, a não ser que se tenha certeza absoluta das conseqüências.

Com mais de cem opções, aqui é onde, geralmente, passa-se mais tempo lendo as descrições. Em compensação, você poderá deixar o Windows exatamente do jeito que gosta e precisa para suas tarefas diárias. É possível mudar o Menu Iniciar, o tempo de resposta dos cliques, configurações de rede, comportamento do Windows Explorer e do Internet Explorer, entre outras alternativas.

Na aba seguinte, a de serviços (services), é possível mudar a configuração original dos serviços/recursos que o Windows carrega ao iniciar. Mesmo para usuários avançados, não há vantagem em modificar isso agora, pois é possível executar essas alterações no Windows já instalado, digitando ‘services.msc’ em ‘Executar’ dentro do menu Iniciar.

Revise as alterações programadas

Antes de dar o clique final para o nLite processar suas alterações, vale a pena voltar ao início e revisar tudo, prestando atenção em algum recurso, componente ou serviço marcado em vermelho que não tenha sido selecionado. Lembre-se que as alterações feitas não poderão ser revertidas após a instalação do Windows. Um erro feito nesta etapa pode fazer com que você tenha de instalar novamente o nLite e refazer todo o processo.

Dependendo do processamento de seu computador, o nLite pode levar de 10 a 30 minutos para processar todas as opções e gerar o arquivo ISO para se gravar em CD ou DVD. Ao final, ele irá lhe mostrar quanto foi economizado em megabytes. No nosso exemplo, economizamos 309 Mb dos quase 600 Mb do CD original do Windows XP, com um arquivo final de instalação que contém apenas 231 Mb. E o XP continuará completamente utilizável, para jogos, internet e escritório.

O nLite lhe dará a opção de criar o arquivo ISO, para ser gravado em CD ou DVD a partir de softwares como o Nero ou Easy CD Creator. No entanto, o próprio nLite pode gravar o disco para você, em mídia virgem ou regravável. Após a gravação, seu disco será uma réplica do CD original de instalação, mas com a versão modificada pelo nLite.

O processo é idêntico ao de qualquer reinstalação do Windows do zero. O ideal é colocar o CD no drive, reiniciar o computador e aguardar o carregamento automático, com a tela azul da Microsoft contendo as instruções para as etapas seguintes.

Você precisará formatar o disco rígido, perdendo os dados da sua partição principal. Mas verá que, desta vez, instalar o XP levará bem menos tempo e, após instalado, ficará bem mais leve e com menor consumo de memória.

As dúvidas mais freqüentes dos usuários são sempre respondidas no fórum oficial do nLite, gratuito e que não exige registro para ler as dúvidas e respostas, mas em inglês. O endereço é http://www.msfn.org/board/index.php?showforum=89.

Site Footer

Sliding Sidebar

Instagram

  • Mais um avio de brinquedo e l vamos ns outra
  • Passeio depois do almoo pelo RecifeAntigo cheiroso e pomposo Curto

arquivão