Windows 2000 vs. Windows 98

Paulo Rebêlo | fevereiro.2000

O momento tão esperado, enfim, aconteceu. O Windows 2000 chega às lojas de todo o mundo, repleto de novidades, novas tecnologias e, acima de tudo, dúvidas. Afinal de contas, será mesmo necessário atualizar seu atual sistema operacional? Melhor ainda, haverão benefícios diretos ao migrar, assim como houve na época do Windows 3.1 ‘ Windows 95? Será apenas uma atualização melhorada, como no Windows 95 ‘ Windows 98; ou estamos falando de um mero pacote de serviços com correções de bugs, como o Windows 98 ‘ Windows 98 SE?


Antes de mais nada, é preciso deixar claro que o Windows 2000 não veio, em hipótese alguma, substituir seu atual Windows 95 ou 98. A lógica de qualquer usuário seria pensar assim, mas tenha cuidado; adquirir o Windows 2000 achando que é uma atualização ou um Windows 98 turbinado, pode trazer mais problemas do que soluções.

SUCESSOR DO NT – O Windows 95/98 é um sistema operacional voltado mais ao usuário doméstico ou de escritório. Pode ser usado como fonte de produtividade, mas também de entretenimento. Por outro lado, temos o Windows NT 4.0 que atende às necessidades de usuários mais avançados, administradores de sistemas, estações de trabalho em rede, servidores Web, enfim, ao usuário corporativo em geral.

O Windows 2000 é o Windows NT 5.0, sob a carapuça do novo nome, o qual só foi decidido no segundo semestre de 1999. De tal forma, fica claro que o mesmo não é um sistema operacional doméstico, feito para o usuário que gosta de jogar ou usar o computador apenas para as tarefas corriqueiras do cotidiano, seja em escritório ou em casa.

Enquanto o Windows 2000 pode frustrar alguns, ele também pode fascinar muitos. Quem conhece ou usa o NT 4.0, deve estar ciente de suas vantagens frente ao Windows 95/98: estabilidade, performance, rede, Internet, customização. Ao chegar como uma versão (muito) melhorada do NT, o Windows 2000 pode ser considerado como o melhor sistema operacional desenvolvido pela Microsoft até hoje. E, pasmem-se, sem todos aqueles problemas já conhecidos pelos usuários Windows.

USANDO EM CASA – Apesar de ser voltado às empresas, provedores e afins, o Windows 2000 também destaca-se como sendo boa opção para o lar ou escritório, podendo beneficiá-los com ganho de produtividade e performance. Ele pode ser considerado um intermediário entre o NT e o 95/98. O visual, a facilidade de uso e configuração do 95/98, aliados ao rendimento e estabilidade do NT.

O problema de usar em casa é apenas um: o seu computador. Estamos falando de um sistema operacional altamente robusto, otimizado para atender os mais diversos requisitos – partindo dos trabalhos burocráticos de escritório ao desenvolvimento de aplicações multimídia e servidores Web.

Existem quatro versões diferentes do Windows 2000. A Professional é a versão mais indicada para o usuário doméstico ou pequenas empresas. É a equivalente do NT Workstation. Seus requisitos mínimos de sistema são poucos, mas precisam ser levados em consideração.

A Microsoft garante que é possível instalar o Windows 2000 Professional em um Pentium 133 Mhz com 64MB de RAM. Sim, é possível; mas seria andar pra trás, para não dizer suicídio. Ninguém agüentaria usar por mais de uma semana, devido à lentidão e performance baixa.

Se você não tem processador a partir de 300 Mhz, é preferível investir em hardware antes de investir no Windows 2000. Memória RAM, o mínimo é 64MB. Estando com muita vontade de testar o programa, use a configuração acima, mas querendo tirar o máximo dele, não instale-o com menos de 128MB de RAM. Processadores de 400 Mhz em diante são mais indicados.

Em termos de Brasil, um Pentium (ou similar) de 400 Mhz com 128MB de RAM soa bastante alto, apenas para rodar o sistema operacional. Mas caso você seja um felizardo possuidor de tal máquina, não hesite em migrar para o Windows 2000, pois irá valer a pena. Seja você um internauta que passe horas navegando na Internet ou um programador que passe horas abrindo e fechando aplicações diferentes, o ganho de performance e produtividade será perceptível em pouco tempo.

Outro detalhe é o espaço em disco. Depois de instalado, o Windows 2000 sozinho ocupa 700MB em disco. Acrescente mais uns 200MB para a memória virtual (arquivo de troca / swap file) e aí você já precisa de quase 1GB.

NOVIDADES – A maior parte das novidades do Windows 2000 são internas, sendo notadas apenas no cotidiano, pela pessoa que o utiliza. É possível deixar o computador ligado durante dias e dias a fio, abrir e fechar aplicativos centenas de vezes e manter dezenas de janelas abertas simultaneamente, que o computador continuará com a mesma performance. Pelo contrário até, quanto mais tempo você trabalhar e quanto mais programas abrir, mais rápido ficará o seu Windows 2000!

Além das novidades relacionadas à performance, o Windows 2000 também é otimizado para Internet; mais rápido e mais confiável. Por falar em confiável, acabaram-se os problemas de “telas azuis” (blue screen of death- BSOD), que aconteciam com uma facilidade imensa nas versões anteriores do Windows. Segundo a própria Microsoft, quase todos os problemas de GPF (falha de proteção geral) eram causados por arquivos corrompidos de sistema, geralmente bibliotecas do tipo .DLL. As bibliotecas eram rotineiramente substituídas ou trocadas durante as instalações de outros programas. Por isso dizemos que, quanto mais programas seu computador tiver, mais suscetível ele será aos travamentos e erros.

Agora acabou. O Windows 2000 não permite programas externos mexerem ou trocarem arquivos internos do sistema. Na eventualidade de acontecer, você será avisado e haverá a possibilidade de interromper ou não permitir a conclusão da operação. Caso permita e, adiante, perceba que algo não vai bem, será possível reverter a situação e restaurar o arquivo original do próprio CD-ROM do Windows 2000. Interessante, não?

Outra grande causa de problemas era os drivers de placas e acessórios. Agora eles precisam ser certificados pela Microsoft e aprovados para o Windows 2000. Caso não sejam, você será avisado do perigo de continuar a instalação, mas mesmo assim poderá seguir em frente. Problemas? Restaure a configuração anterior, sem problemas ou complicações. Administradores de sistemas podem, até mesmo, “clonar” uma máquina com todas suas configurações para depois “baixá-la” em várias outras estações de trabalho.

Uma lista bem elaborada contendo as principais novidades do Windows 2000 podem ser encontradas na página da Microsoft, no seguinte endereço: http://www.microsoft.com/windows2000/guide/professional/features/default.asp

HARDWARE – Dificilmente você terá problemas relacionados a hardware. O Windows 2000 possui um bom suporte às atuais placas e periféricos do mercado, inclusive as do tipo bombril – aquelas com tudo embutido na placa-mãe. Entretanto, uma ou outra placa pode não ser compatível ou ainda não possuir drivers específicos para ela. É recomendável verificar a lista de hardware compatíveis da Microsoft, no seguinte endereço: ftp://ftp.microsoft.com/services/whql/win2000hcl.txt

Outra boa pedida é baixar um pequeno utilitário da Microsoft, que verifica problemas de incompatibilidade dos seus atuais programas instalados. Use o link a seguir- http://www.pluralweb.com/rebelo/files/w2kcompat.zip

Caso alguma de suas placas ou acessórios não seja suportada pelo Windows 2000, você terá duas opções: ou comprar outro(a) ou esperar um pouco mais para ver se o fabricante irá lançar um driver atualizado, o que, convenhamos, é mais provável de acontecer. Entre os periféricos mais problemáticos, estão as webcams e as placas aceleradoras de vídeo (tridimensionais).

ALTERNATIVAS – Convém lembrar que, ao instalar o Windows 2000, ninguém é obrigado a se desfazer do sistema operacional antigo. A possibilidade de manter dois Windows instalados é real. Por exemplo, o Windows 98 e o 2000. É possível, inclusive, manter o Windows 98, NT4 e Windows 2000 ao mesmo tempo, no seu computador.

Manter o Windows 98 instalado é sempre uma boa pedida, principalmente aos usuários que gostam de jogar no computador. Jogos eram praticamente impossíveis de se rodar no NT4 e o Windows 2000 conseguiu melhorar um pouco a situação, mas continua sendo um fator pouco maleável. De fato, o Windows 2000 não foi feito para jogar. Em matéria de entretenimento, o Windows 98 continua sendo a alternativa mais rápida e plausível.

Diferentemente do NT4, o Windows 2000 possui suporte total ao DirectX, possibilitando assim, o uso de grande parte dos jogos disponíveis no mercado. A versão instalada no Windows 2000 é a 7.0a – mais recente, hoje. No entanto, os problemas residem no uso da aceleração gráfica praticada pelas placas de vídeo 3D. Os melhores efeitos tridimensionais residem na tecnologia OpenGL, a qual o Windows 2000 não possui suporte nativo. Alguns jogos, como o Quake 3, só funcionam com o OpenGL. Outros, como o Unreal Tournament, podem funcionar sem OpenGL, mas com qualidade e velocidade inferior.

Ninguém sabe se, no futuro, a Microsoft terá a intenção de liberar um suporte nativo para OpenGL ou se as fabricantes das placas de vídeo terão permissão de “incorporar” um mini-sistema OpenGL nos próximos drivers, mas por enquanto recomenda-se manter o Windows 98 instalado, ao menos para os joguinhos.

OUTRAS VERSÕES – Outras versões do Windows 2000, além da Professional, estarão disponíveis para compra, nenhuma recomendada para usuários domésticos.

A versão SERVER é substituta do Windows NT 4.0 Server e suporta até quatro processadores trabalhando simultaneamente. Boa escolha para aplicações empresariais de pequeno ou médio porte que façam uso do multiprocessamento, servidores Web e estações de trabalho.

A versão ADVANCED SERVER é o que seria o Windows NT Server Enterprise Edition, com suporte para até oito processadores simultâneos, e ferramentas mais poderosas para aplicações tipo servidor. Ideal para um trabalho intenso em banco de dados, principalmente os acessados via Web.

A versão DATACENTER SERVER será a mais poderosa de todas, com suporte para até dezesseis processadores trabalhando ao mesmo tempo e até 64 GB (!!!) de memória RAM. Mais voltada às aplicações e simulações científicas e de engenharia em grande escala, análise econométrica, entre outros.

Site Footer

Sliding Sidebar

Instagram